Comware – Limpando a lixeira

O comando dir, permite visualizarmos os arquivos dentro de um diretório. Caso estejamos na raiz (sem digitar em nenhum comando para mover-se no modo user-view), o comando irá exibir o conteúdo da memória flash:

<4800G>dir
Directory of flash:/

   0     -rw-    483956  Jun 26 2000 10:45:17   a5500ei-btm-715-us.btm
   1     -rw-  13940314  Jun 26 2000 10:49:24   a5500ei-cmw520-r2220p02.bin
   2     drw-         -  Apr 26 2000 12:00:31   seclog
   3     drw-         -  Apr 26 2000 13:14:20   oldcfg

31496 KB total (7164 KB free)

As vezes para atualizar o sistema operacional do Switch ou Roteador precisamos liberar espaço na memória flash. Utilize o comando delete para remover os arquivos:

<4800G>delete a5500ei-cmw520-r2220p02.bin
Delete flash:/a5500ei-cmw520-r2220p02.bin?[Y/N]:
Before pressing ENTER you must choose 'YES' or 'NO'[Y/N]:y
.
%Delete file flash:/a5500ei-cmw520-r2220p02.bin...Done.

O comando dir /all exibe quais arquivos estão na lixeira exibindo o nome do arquivo entre colchetes( [ ] ).

<4800G>dir /all
Directory of flash:/
   0     -rwh         4  Apr 26 2000 12:19:54   snmpboots
   1     -rwh      4184  Apr 26 2000 13:23:14   private-data.txt
   2     drw-         -  Apr 26 2000 12:00:31   seclog
   3     drw-         -  Apr 26 2000 13:14:20   oldcfg
   4     -rwh      8221  Apr 26 2000 13:23:19   qosindex
   5     -rw-      7638  Apr 26 2000 13:20:14   [3comoscfg.cfg]
   5     -rw-  10315278  Jun 26 2000 10:39:39   [s4800g-cmw520-r2102p02.bin]
   5     -rw-      9811  Apr 26 2000 13:14:55   [teste-qos.cfg]
   5     -rw-     23867  Apr 26 2000 13:15:18   [atual.cfg]
   5     -rw-     23867  Apr 26 2000 13:15:39   [atual.cfg.bkp]
   5     -rw-     12611  Apr 26 2000 13:15:59   [3comoscfg.cfg.old]
   5     -rw-    483956  Apr 26 2000 14:13:07   [a5500ei-btm-715-us.btm]
   5     -rw-  13940314  Apr 26 2000 14:13:20   [a5500ei-cmw520-r2220p02.bin]

Após a exclusão do arquivo, o mesmo ficará na lixeira até efetuarmos a limpeza com o comando reset recycle-bin.

Para deletar o arquivo de forma que o mesmo não vá para lixeira utilize o comando delete /unreserved [nome do arquivo].

Obs: Tome cuidado para não desligar o equipamento caso tenha removido os arquivos do Comware.

O comando boot-loader define qual imagem será escolhida como principal e a de  backup na inicialização do Switch.

Por Exemplo, após atualização por TFTP da imagem atual do Switch de s4800g-cmw520-r2102p02.bin para s4800g-cmw520-r2202p15-s56.bin, precisaremos informar ao equipamento qual versão do Sistema Operacional iremos utilizar no próximo boot.

<4800G>boot-loader file S4800G-cmw520-r2202p15-s56.bin main

Faça a validação com o comando display boot-loader

Bootrom

No documento de liberação de releases para alguns modelos de Switches será solicitado o upgrade do bootrom .

<4800G>bootrom update file s4800g-btm_604.btm

Após efetuados os passos acima, reinicie o equipamento com o comando reboot.

Inté!  🙂

Troubleshooting: o Switch perde as configurações ao reiniciar…

As vezes recebo alguns emails sobre problemas de Switches 3Com/H3C/HPN que “sempre” perdem a configuração ao reiniciar.Alguns procedimentos podem ser verificados para resolver o problema:

Veja se o arquivo de configuração “*.cfg” está na memoria flash. Após salvar a configuração com o comando “save” digite no modo system-view “dir“:

<Switch>  dir

Veja se o arquivo está com as configurações na memória flash do Switch, com o comando:

<Switch> more nomedoarquivo.cfg

Se tudo estiver ok, veja se na “startup” do Switch está direcionado para o arquivo de configuração:

<Switch>  display startup

Se tudo isso estiver correto, uma última opção a ser verificada é o boot do Switch (que talvez esteja habilitado para “pular” a configuração)… para corrigir, reinicie o Switch e pare o boot com Crtl + B, a Senha deverá ser em branco, escolha a opção Skip current config… e desabilite a opção. Reinicie o Switch e veja se o procedimento deu certo.

Até a próxima!

Dica: Comando “logging synchronous” para o HPN (Comware)

Para aqueles que estão acostumados com o comando “logging synchronous” no IOS existe a opção “info-center synchronous” para o Comware

 [4800G]info-center synchronous
% Info-center synchronous output is on

Segue o output com o commando habilitado:

[4800G]interface GigabitEthernet 1/0/
%Apr 26 09:25:32:201 2000 4800G IFNET/4/LINK UPDOWN:
GigabitEthernet1/0/2: link status is DOWN
[4800G]interface GigabitEthernet 1/0/

Segue o output com o commando desabiiltado (percebam o comando “em digitação” fica oculto e assim comprometendo a configuração, tornando suceptível a erros:

[4800G]interface GigabitEthernet 1/0/
%Apr 26 10:42:36:371 2000 4800G IFNET/4/LINK UPDOWN:
GigabitEthernet1/0/2: link status is UP

Abraços a todos

ACL para Gerenciamento Telnet, SSH, SNMP …

A aplicação de ACL para limitar as redes que poderão efetuar o gerenciamento do Switch e/ou Roteador é uma técnica bastante utilizada para restringir quais redes ou hosts de origem terão a permissão para gerenciar o equipamento via Telnet, SSH ou SNMP

Imaginando uma empresa com diversas sub redes,  permitiremos no cenário abaixo o acesso ao Switch apenas da sub rede 172.31.1.0/24 (lembrando que a mascara para listas de acesso [ACL] são no formato de mascara curinga [wildcard mask])

acl number 2000
rule 0 permit source 172.31.1.0 0.0.0.255
rule 5 deny
#
user-interface vty 0 4
acl 2000 inbound
! Vinculando a ACL 2000 ao VTY
#
snmp-agent community read 123abc acl 2000
snmp-agent community write aaa111 acl 2000
! Vinculando a ACL 2000 às comunidades SNMP "123abc" e "aaa111"

Caso a interface de gerenciamento esteja dentro de uma VRF, ou a origem do acesso inicie de uma vpn-instance (VRF), a ACL deverá fazer referência a isso:

[H3C-acl-basic-2000]rule 1 permit source 172.31.1.0 0.0.0.255 vpn-instance ?
STRING<1-31>  VPN-Instance name

Dúvidas? Deixe um comentário…
Até logo!